IMPRENSA

notícias

18/06/2018

É possível manter uma alimentação saudável durante as festas juninas

A safra do mês de junho inclui grande variedade de hortifrutis, como frutas cítricas ricas em vitamina C, raízes e cereais. Mas é preciso ter atenção à quantidade consumida, especialmente nas preparações com maior teor de gordura como os bolos, canjicas, paçocas ou alguns mingaus que podem conter leite de coco e manteiga. Com a proximidade do São João, a Coordenadora de Nutrição do Hospital Aliança, Nely Rabelo, lembra que é possível manter uma alimentação saudável durante as festas juninas. “As frutas, como laranja; cereais (cozidos ou assados), como o milho garantem uma alimentação saudável nesta época. Além das vitaminas, elas possuem grande teor de fibras que auxiliam na regulação do transito intestinal e controle do colesterol. Mas é bom lembrar que o milho é uma boa opção, desde que seja consumido moderadamente”, alerta.

Diferente do que muitas pessoas pensam, o amendoim cozido não é um vilão da alimentação nesta época. A nutricionista explica que desde que consumido em quantidade moderada e não seja cozido com teor de sal elevado, ele está liberado. O importante é a forma de preparo. As preparações assadas ou cozidas possuem menor teor de gordura saturada do que as fritas.

O alerta maior é para a bebida mais tradicional do São João – o licor, que é muito calórico. Ele é  preparado com xarope de açúcar e álcool, substância que fornece cerca de 7Kcal/ml e nenhum nutriente.  “O segredo é o bom senso e a moderação. Manter uma dieta balanceada também é possível durante as festas juninas”, completa Nely Rabelo.