NOTÍCIAS

Matérias

25/06/2020

Hospital Aliança realiza primeira biópsia pulmonar do Brasil com equipamento descartável

Dr. Guilherme Montal e Dra. Paula Tannus| Registro de outubro/2019 cedido pelo médico

 

Praticidade e agilidade nos procedimentos, além de maior segurança para pacientes, são os diferencias para a utilização de equipamentos médicos de uso único em ambiente hospitalar. “Atualmente, os nossos equipamentos de broncoscopia são reprocessados e esterilizados, garantindo toda segurança aos nossos pacientes, mas como temos o compromisso em investir em inovação, realizamos nesta quarta-feira ( 24/06) a primeira broncoscopia com equipamento descartável na Bahia e a primeira biópsia pulmonar do Brasil”, declarou o superintendente médico do Hospital Aliança, Dr. Raymundo Paraná.

 

A equipe do pneumologista Dr. Guilherme Montal realizou o procedimento que permite o diagnóstico no aparelho respiratório de quadros pulmonares infecciosos e neoplásicos. “Hoje, demos um passo importante, pois a utilização deste aparelho descartável nos permitiu compararmos com o tradicional. Constatamos que, além da praticidade e segurança, o equipamento garante as mesmas possibilidades de diagnóstico do aparelho tradicional. Por mim, está 100% aprovado”, avaliou Dr. Guilherme Montal.

 

Outro ponto favorável é que o uso único elimina a necessidade de procedimentos complexos de limpeza e manutenção do aparelho. Além disso, confere ainda a agilidade na marcação do exame e na disponibilidade do aparelho, pois o paciente não precisa aguardar que o equipamento reutilizável esteja desocupado e pronto para o uso.

 

Broncospia e biópsia pulmonar

 

A broncoscopia é um exame realizado sob sedação feito através de um tubo fino e flexível que é introduzido pela boca ou nariz e vai até o pulmão. Ele permite o diagnóstico e tratamento de doenças no aparelho respiratório através de procedimentos como biópsias, coleta de secreção pulmonar (Lavado bronco-alveolar), exérese de tumores e colocação de próteses em traqueia e brônquios.